sábado, 21 de julho de 2007

Lembram-se do "Jornal do Incrível"?



Não gosto de ridicularizar nem menosprezar o mal dos outros, mas que este tipo de notícias mais parecem o extinto "Jornal do Incrível" ai isso parecem - essa referência incontornável do jornalismo português com manchetes tais como: "Homem andou 20 anos com dois sapatos esquerdos calçados"; "Mulher não consegue parar de aplaudir há mais de x anos".
Que faria se não fosse este semanário dirigido pelo propalado baluarte do jornalismo português... Isto para não falar das crónicas, tipo correio pindérico, de uma "tia" execrável que por ali anda, denominada de Assunção Cabral.
NOTA: A Gralha no título também é deles (cirugia).


2 comentários:

Sininho disse...

Eu, se sofresse de crises desse tipo também daria tudo por uma cirugia que me restituísse à normalidade, ora essa!
«Ora essa» fica sempre bem no fim duma frase, para acentuar a nossa ideia..
«Cirugia» também gosto muito e vou ver se não me esqueço de a empregar, daqui para a frente.

Por estas e por outras é que eu deixei de comprar o dito semanário, ficando agora reduzida à versão online.
É a vida.

Pedro disse...

Ora essa, Sininho não é tam bonito dizer ora essa!? É isso e começar uma frase a dizer "Isto é assim...".