segunda-feira, 23 de abril de 2007

Boris Ieltsin (1931-2007)

Foi-se o homem mais reformista, corajoso e democrata que Rússia alguma vez teve como estadista. A imagem dele enfrentando os tanques bolcheviques que queriam reimplantar a ditadura comunista não me sairá da memória nem deve sair a quem se diz democrata.

4 comentários:

Fernando Rogério disse...

Será?

Pequena Papoila disse...

Pois então... Paz à sua alma!

Pedro disse...

Fernando
Creo que sí!

Áurea
Amén!

Fernando Rogério disse...

O passado, dele, Ieltsin, não diz tanto assim; o futuro, dela, Rússia, pós-Ieltsin desmente ainda mais. Daí as dúvidas!
A queda do regime do regime foi obra de Gorbatchov; a seguir, sucederam-se equívocos, uns atrás dos outros, patrocinados pelas crises alcoólicas de Ieltsin