terça-feira, 9 de janeiro de 2007

Qual URSS? Qual China? Qual caraças? Perdão... Caracas!


In Público
Presidente quer acabar com autonomia do banco central
Chávez anuncia nacionalização da electricidade e telecomunicações
O Presidente venezuelano, Hugo Chávez, anunciou hoje a intenção de nacionalizar os sectores da electricidade e telecomunicações e pôr fim à autonomia do banco central - duas das iniciativas com que pretende acelerar a reforma socialista do país.
“Tudo o que foi privatizado será nacionalizado”, afirmou Chávez, num discurso ao país, referindo-se a “todos os sectores de uma área tão importante e estratégica como é a electricidade”.


Para combater crescimentos "anémicos" como o nosso, Hugo Chávez, que parece meio biruta mas não o é, faz crescer o Estado. De mestre! Nem o Lenine tinha cojones para tal chuva nacionalizatória! Nem o MFA! Chegasse o Chávez ao poder em Portugal e punha o Dr. Jardim Gonçalves em conjunto com o Dr.Carrasqueira e o Ernâni Lopes a trabalhar para o Estado - tudo dependeria era do preço dos salários, mas com um Estado assim tão poderoso isso nem era problema, como vem sendo costume nestes casos.

2 comentários:

Sininho disse...

Beleza de país, com tão glorioso Presidente a geri-lo.

Pedro disse...

Com "beleza de país" concordo, qunto ao resto, o presidente será tão glorioso quanto mais amado e odiado for nas devidas porporções.